Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2009

Tipo assim - Gabiriel Perissé

Tipo assim

Tipo assim, as pessoas fazem tipo, entendeu? Não é artificial não, vem de dentro, ou vem de fora, vem da sociedade, dos astros, mas também tem essa coisa inconsciente, entendeu? Ou vem da genética, sei lá.

Há vários tipos, tipezas, tipões, tipinhos e tipaços.

Deixa eu te falar — tem gente que faz tipo intelectual e lê o texto meio que com nojo, catando piolho, catando regência verbal incorreta, crase errada, vírgula indevida.

Tem gente, ao contrário, que faz mais o meu tipo que eu estou fazendo agora, tipo oralidade sem muito compromisso, tipo deixa rolar, é claro que eu prefiro ser tipo assim.

Agora, tem gente que faz mais tipo conservador atualizado, tipo gente séria que está sempre flagrando falta de ética dos outros, e está sempre denunciando as perversões alheias, e está todo dia de olho na TV e na internet para ver o que a TV e a internet estão mostrando de pervertido. Tipo assim.

E tem o tipo vale-tudo, o cara ou a cara que não tem repressão, e come de tudo e de todos, ou …

Professores Apaixonados - Gabriel Perissé

Professores Apaixonados
Professores apaixonados acordam cedo e dormem tarde, movidos pela idéia fixa de que podem mover o mundo.
Apaixonados, esquecem a hora do almoço e do jantar: estão preocupados com as múltiplas fomes que, de múltiplas formas, debilitam as inteligências. As professoras apaixonadas descobriram que há homens no magistério igualmente apaixonados pela arte de ensinar, que é a arte de dar contexto a todos os textos. Não há pretextos que justifiquem, para os professores apaixonados, um grau a menos de paixão, e não vai nisso nem um pouco de romantismo barato. Apaixonar-se sai caro! Os professores apaixonados, com ou sem carro, buzinam o silêncio comodista, dão carona para os alunos que moram mais longe do conhecimento, saem cantando o pneu da alegria. Se estão apaixonados, e estão, fazem da sala de aula um espaço de cânticos, de ênfases, de sínteses que demonstram, pela via do contraste, o absurdo que é viver sem paixão, ensinar sem paixão. Dá pena, dá compaixão ver o professor …

Julho

05/07
Até 05 anos: Lorena, William, Feliciana e Naiara
06 a 11 anos: Jéssika Felício e Ariane

12/07
Até 05 anos: Jordana, Leila, Gislene eWalef
06 a 11 anos: Géssika e Leila
19/07 Até 05 anos: Lorena, Feliciana, William, Dieyssa e Jeanne
06 a 11 anos: Jéssika e Ariane26/07Até 5 anos: Gislene, Jordana, Leila e Gislene
06 a 11 anos: Géssika e Walef

Julho

05/07
Até 5 anos: Lorena e Pâmela
06 a 08 anos: Feliciana e Naiara
09 a 11 anos: Tia Lu

12/07
Até 5 anos: Jordana e Walef
06 a 08 anos: Deijane e Jéssika
06 a 11 anos: Géssika

19/07
Até 5 anos: Pâmela, Dieyssa e William
06 a 08 anos: Naiara e Feliciana
09 a 11 anos: Ariane

26/07
Até 5 anos: Jordana e Walef
06 a 08 anos: Jéssika Felício e Deijane
09 a 11 anos: Géssika

A Bíblia

A B Í B L I A

Como está escrito na Bíblia: "Porque a Palavra de Deus é viva e eficaz e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até a divisão de alma e do espírito e das juntas e medulas e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração".
Estas palavras estão escritas na Bíblia, no livro de Hebreus, capítulo quatro, versículo doze.
Oração: Ore neste instante pedindo à Deus que lhe prepare o coração e a mente para este estudo, submeta-se à Sua vontade, estando pronto a ouvir Sua Palavra. Peça orientação ao Espírito Santo. Agradeça em nome de Jesus.

Neste versículo que citamos acima, diz que a Palavra de Deus é viva e eficaz. Onde diz a Palavra de Deus, está se referindo à Bíblia, pois a Bíblia é a Palavra de Deus. Quando lemos a Bíblia, Deus está falando.
Neste nosso estudo, cada vez que falarmos Palavra de Deus ou Escrituras, estaremos nos referindo à Bíblia.
Leia novamente o versículo acima, bem devagar e procure sentir o que Deus está falando nel…

O Biscoitão

Imagem
Filipe acordou bem cedinho para ir à escola. Comeu um delicioso biscoitão no seu café da manhã. Hummm!!! Que delícia!

Como é bom poder comer e ter o que comer. Deus nos ama tanto que sempre nos dá o que necessitamos para comer. O que você comeu hoje? (deixe as crianças falarem). Deus ama muito a cada um de nós. Ele criou todas as coisas e criou você e a mim. Ele é Perfeito e santo e está no Céu. E porque nos ama, quer que estejamos para sempre com Ele. A Bíblia dis em João 3:16: "Porque Deus amou o mundo..." Quem está no mundo? Sim, você e eu. Você pode colocar o seu nome no lugar da palavra mundo. Cada vez que você comer alguma coisa, lembre-se que é Deus que nos ama e nos dá a comida, como o biscoitão gostoso que Felipe comeu.
Felipe estava tão contente que disse à sua mãe: "Muito obrigado pelo biscoitão, mamãe."
Mas a mamãe respondeu: "Você não deve agradecer a mim, mas ao padeiro, que fez o biscoitão." Felipe correu para a padaria e disse ao padeiro: &…

O surdinho

Imagem
CARTAZ NÚMERO 1:
A meninada toda estava na rua. Como era divertido brincar com o surdinho!
- Sur – di – nho! Sur – di – nho!
- Chamavam os meninos.
CARTAZ NÚMERO 2:
E batiam nele de um lado e de outro. O menino surdinho ficava até tonto.
Os garotos ás vezes caçoavam tanto dele, mas tanto, que o surdinho corria pra casa, chorando, chorando.
Um dia os meninos abusaram demais. Chegaram até a lhe dar tapas, pisar nos pés, beliscar e empurrar com tanta
força que o surdinho até caiu no chão.
Ele queria ir para casa, mas não podia... os moleques o agarravam...
Assim que conseguiu escapar, fugiu, deixando os moleques rindo e caçoando dele.
Mamãe. – vocês sabem como são as mamães – logo percebeu que alguma coisa não ia bem. Correu e abraçou o Surdinho.
- Que foi, filhinho, que foi?
Ele também abraçou a mamãe e chorou muito, muito. Depois enxugou os olhinhos, ameaçou um sorriso, jogou um beijo para a mamãe e saiu. Ela estava fazendo o almoço e com gestos falou que ele não se demorasse.
A mamãe ficou em cas…

O teu modo de falar te denuncia - Gilberto Celeti

Quando um crente está onde não deve estar, Não somente a sua vida está em perigo, Como põe em risco ali os seus amigos. Veja Jonas, no navio, e até dormindo, Quando sobreveio grande tempestade, Pois fugia ele de Deus e Sua vontade. Veja Pedro, na fogueira se aquecendo, E negando a Cristo vergonhosamente, E depois, chorando tão amargamente. Há, no entanto algo para ser notado:Eram homens dos demais bem diferentes, Não podiam esconder que eram crentes. Veja em Jonas a firmeza e a segurança, A postura de quem sabe a verdade, Que tranqüilo encara a fúria e a tempestade. Veja Pedro, claramente revelado, Mesmo quando se acovarda sua bravura, Por seu modo de falar e sua postura. É preciso sempre ter o entendimento, Que pro ímpio é muito alto o padrão, de como deve viver quem é cristão. Oh! Andemos bem no centro da vontade do Senhor, fazendo sempre o que lhe agrada, Com a fé na Sua palavra arraigada. E quem dera ouvir um dia este elogio: “O teu modo de falar te denuncia”! Não negando, mas com Cristo em harmonia. …

O homem e o carro

“Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui feito, e entretecido nas profundezas da terra. Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe; e no teu livro todas estas coisas foram escritas; as quais em continuação foram formadas, quando nem ainda uma delas havia”(Sl 139.15,16)
Certo homem, muito tempo atrás, possuía um automóvel modelo Ford, com o qual passeava pelas ruas de sua cidade.Contentíssimo, o proprietário se admirava sempre dos muitos recursos do novo veículo, entre eles, velocidade e maciez. Certo dia, quando o nosso amigo estava passeando, o carro, subitamente, parou. Em plena avenida, morreu o motor e nada o fazia pegar. De tudo tentou o proprietário. Deu partida várias vezes. Empurrou. Abriu o capô, fechou, tornou a abrir. Pediu ajuda. Mas nada... Não deu nenhum sinal de que iria funcionar. Como podia! Um carro tão bom, parar desse jeito! O homem já estava perdendo a paciência quando um desconhecido solicitou licença para ajudar. Desconsolado, o proprietári…

Diário de uma Bíblia

20 de janeiro - Passei uma semana calma. Nas primeiras noites do Ano Novo, meu proprietário me leu diariamente, mas agora parece que me esqueceu.

16 de fevereiro - Hoje foi faxina geral de final de verão. Fui desempoeirada como outros objetos e recolocada em meu lugar.24 de março - Fui utilizada depois do café pelo meu proprietário. Ele analisou alguns trechos e me levou ao culto.

08 de maio - Hoje foi um dia duro de trabalho. Meu proprietário dirigiu um estudo Bíblico e teve que procurar vários versículos. Raras vezes os encontrava, mesmo estando todos no velho lugar.

01 de junho - Hoje alguém colocou um trevo de quatro folhas entre minhas páginas.

29 de junho - Fui colocada, juntamente com roupas e outros objetos, dentro de uma mala. Parece que estamos em viagem de férias.

10 de julho - Ainda estou na mala, embora quase todos os outros objetos já tenham sido retirados.

15 de julho - Estou novamente em casa, no meu velho lugar. Foi uma viagem cansativa. Não entendo porque tive que particip…

Os três crivos

Conta-se que no Líbano, há muitos anos, foi construído e muito bem equipado um hospital missionário. Mas apesar de haver muitos doentes naquela região, nenhum deles aparecia para submeter-se a qualquer cuidado médico. É que os inimigos do evangelho tinham espalhado a notícia de que os doentes que entrassem ali não sairiam com vida.Certa manhã um dos médicos viu um cachorrinho com uma perna quebrada e o levou ao hospital para ser socorrido. Internado, o cãozinho foi bem tratado e tudo correu bem, pois logo ficou completamente curado.A notícia logo se espalhou e aqueles que antes tinham deixado influenciar-se pelos boatos caluniosos, começaram a pensar: Ora, um médico que foi tão bom apenas cuidando da saúde de um animal, não o será também para conosco?Não demorou muito e os doentes começaram a aparecer para serem tratados. O melhor de tudo, porém, é que quando saiam só falavam bem do hospital, como ainda dos médicos, das enfermeiras e do pessoal. E assim levavam uma semente do evangelh…

O soldado que não merecia perdão

Dentre as muitas histórias que se conhece a respeito de Napoleão, existe uma que é realmente impressionante. Um jovem oficial do exército imperial tinha sido condenado à morte. A mãe do soldado, derramando lágrimas aos pés do imperador, suplicou o perdão para o filho. Napoleão de pronto recusou alegando tratar-se de um reincidente, razão pela qual a justiça exigia a morte do réu. Desesperada, a mãe, argumentando, disse-lhe: Eu não peço justiça para o meu filho, majestade. Eu peço misericórdia, senhor, misericórdia! Replicou o monarca: Ele não merece misericórdia. Ela, porém insistiu dizendo:Eu sei, senhor. Se ele a merecesse, não seria misericórdia, seria justiça.
Tocando-lhe, porém o coração essa verdade, Napoleão respondeu:Eu farei misericórdia. O Soldado Que Não Merecia Perdão Autor: Pr. Pedro Liasch FilhoExtraído do livro, Casos e contos que edificam a alma, da editora Reviva

A águia que quase virou galinha

Era uma vez uma águia que foi criada num galinheiro. Cresceu pensando que era galinha.
Era uma galinha estranha (o que a fazia sofrer).
Que tristeza quando se via refletida nos espelhos das poças d'água - tão diferente!
O bico era grande demais, adunco, impróprio para catar milho, como todas as outras faziam.
Seus olhos tinham um olhar feroz, diferente do olhar amedrontado das galinhas, tão ao sabor do amor do galo.
E era muito grande, atlética.
Com certeza sofria de alguma doença...
E ela queria uma coisa só: ser uma galinha comum, como todas as outras.
Fazia um esforço enorme para isso.
Treinava ciscar com bamboleio próprio.
Andava meio agachada, para não se destacar pela altura.
Tomava lições de cacarejo.
E o que mais queria: que as suas fezes tivessem o mesmo cheiro familiar e acolhedor das fezes das galinhas. O seu era diferente, inconfundível.
Aconteceu que, um dia, um alpinista que se dirigia para o cume das montanhas passou por ali. Alpinistas são pessoas que gostariam de ser águias. n…

Escola Bíblica de Férias

A Escola Bíblica de Férias, são classes bíblicas consecutivas nas férias escolares. Poderão ser aplicadas durante as férias escolares no mês de junho ou no final do ano.

1. OBJETIVO
1.1 Evangelização
1.2 Crescimento espiritual
1.3 Serviço cristão

2. VANTAGENS
2.1 É mais do que 4 meses de Escola Dominical
2.2 É ensino intensificado
2.3 São novos alunos para a Escola Dominical
2.4 É crescimento espiritual para os alunos da Escola Dominical
2.5 É oportunidade de serviço para os membros da Igreja

3. DURAÇÃO
3.1 Uma semana
3.2 Duas e meia por dia

4. LOCAL
4.1 Na Igreja
4.1.1 A Igreja ajuda financeiramente
4.1.2 A Igreja ajuda com o pessoal
4.1.3 A Igreja ajuda com a divulgação
4.1.4 É um meio de ligar a criança à Igreja

5. DIVULGAÇÃO
5.1 Despertando o interesse de toda a Igreja
5.1.2 Reuniões de oração
5.1.3 Anúncios nos boletins
5.1.4 Cartazes

5.2 Convites
5.2.1 Convidar de casa em casa
5.2.2 Convidar nas escolas públicas
5.2.3 Convites para as crianças
5.2.4 Convites para os pais participarem da programação de …
Imagem